Follow by Email

sábado, 9 de junho de 2018

Palavras soltas... 40 anos e agora!

Aquela que outrora fui, jamais voltarei a ser.
Quantos sonhos perdidos, quantas histórias inacabadas, quantas semi-vitórias, quantas semi-derrotas.
Hoje sou o melhor que posso, o melhor que vivo, aceito o que me espera, vivo o que me é possível.
Olho, admiro, sinto... aproveito cada segundo de todos os olhares que recebo, abraço os corações verdadeiros que me rodeiam.
Aceito desafios, emoções... choro, rio... vivo abençoada por tudo o que vai surgindo.
Cada dia é uma etapa, cada capítulo uma aventura.
Hoje eu sou mulher!








Sem comentários:

Enviar um comentário