Follow by Email

sábado, 24 de setembro de 2011

A correr pela Vida!

A nossa vida!
A tua...a minha, é feita e preenchida por um início e um fim. E nós, os que estamos na vida temos de vivê-la!!!
Às vezes no nosso dia a dia relatamos estados de sobrevivência, e será que foi para isso que nos foi dada a vida...para sobreviver.
A realidade é que devemos correr, pois a vida não é uma caminhada, é algo mais forte e poderoso, algo que nos aquece o coração, que nos enche a alma e então, devemos nós caminhar? Ou devemos correr, correr com objectivos, propósitos, crenças, vontades. abdicando do que não nos faz falta, do que não necessitamos.
Citando alguém com quem tanto aprendo, "Imaginem que a vossa vida está a ser vivida num estádio!"...
Acham que seríamos a plateia, alguém sentado a assistir, deleitado no seu sossego errante...não, seríamos sim as peças do "Jogo", mas não peças que caminhavam ou deambulavam perdidas sem rumo, seríamos sim peças com fio condutor, com direção, com força de chegar ao verdadeiro propósito da vida...a meta.
Pois se alguém entra para vencer, tem de saber como o fazer, organizando todos os objectivos e misturando todas as forças e vontades...e agora pensam, mas para eu vencer terei de chegar em primeiro, tenho de ultrapassar, tenho de correr e correr, pois quero o meu prémio, mas há algo de distinto nesta corrida...nesta maratona...a tal que vos tenho estado a falar, a que eu ouvi falar e me inspirou para esta partilha de palavras.
Essa maratona, vence, não quem chega em primeiro, mas sim quem chega ao fim, sem correr para trás, parar ou até caminhar...
E agora depois de fechares os teus olhos, "vê"...Como é que tu estás a correr a tua corrida?
A questão foi colocada...e agora deixo-vos com ela!

COMO ESTAMOS NÓS A CORRER A NOSSA CORRIDA?



Sem comentários:

Enviar um comentário